COMO VAMOS AJUDAR-TE?

nosso trabalho vai mudar a sua vida para sempre. Não será apenas uma dieta, será uma aposta na tua saúde, um acompanhamento constante que te vão ajudar a atingir os teus objectivos.

Trabalhamos com o foco no conhecimento e nas boas práticas, que vão ficar contigo a vida inteira. Todos os planos são adaptados e personalizados para a ti e para a tua vida.

Começa agora a mudar a tua vida e inscreve-te num dos nossos planos personalizados.

 

Blog

O que são Eletrólitos e Bebidas eletrolíticas, e como fazer em casa?

Os eletrólitos são minerais que circulam no sangue e carregam uma carga elétrica. Apesar de serem necessários em quantidades muito pequenas, e daí serem designados de micronutrientes, estes minerais têm funções extremamente importantes no nosso organismo. Tem um papel muito importante na transmissão nervosa e na contração muscular, ajudam a manter o equilíbrio ácido-base e o equilíbrio hídrico, pelo que sem estes micronutrientes não seria possível haver vida. Os exemplos mais conhecidos são o sódio, possivelmente o mais conhecido, o potássio, o cálcio e o magnésio. 

Toda a regulação eletrolítica está a cargo dos rins, os rins são o órgão responsável por manter a concentração de eletrólitos estável, filtrando água e eletrólitos do sangue ou então excretando pela urina quando em excesso. Uma pessoa saudável, com uma alimentação equilibrada e bem hidratada terá, à partida, um bom equilíbrio eletrolítico, no entanto existem situações que podem acontecer no dia-a-dia que pode vir a promover desequilíbrios, como por exemplo a toma de determinados medicamentos, vómitos, diarreia, distúrbios renais, cardíacos ou hepáticos e até o esforço físico mais exigente ou exercício físicosob temperaturas elevadas. Desequilíbrios eletrolíticos, quer por excesso ou por défice, podem causar sérios problemas de saúde e alguns dos sintomas associados a esses desequilíbrios podem ser identificados, são exemplos o aparecimento de cãibras e fisgadas nos músculos, um aumento do cansaço e fadiga, confusão mental e irregularidades no batimento cardíaco, fraqueza muscular, dor de cabeça e diferenças a nível da pressão arterial.

Do ponto de vista do exercício físico a boa manutenção do equilíbrio eletrolítico é fundamental, com mais importância ainda quando as condições climatéricas são adversas. Toda a contração muscular está dependente desse bom equilíbrio, assim que, para qualquer movimento, e até mesmo para que haja batimento cardíaco,necessitamos garantir a quantidade certa de eletrólitos disponível. Esta quantidade certa de eletrólitos é também importante para manter um bom estado de hidratação, algo que durante um treino e mediante as condições climatéricas pode não ser uma tarefa fácil.Mesmo pessoas que não fazem qualquer tipo de exercício físico perdem eletrólitos todos os dias, quanto mais não seja através da urina, do suor ou até quando estamos doentes com vómitos e/ou diarreia pode ser necessário ajuda extra. Em todos estes casos o uso de bebidas eletrolíticas pode ser bastante útil. 

As bebidas eletrolíticas mais conhecidas, como Gatorade e Powerade, surgiram no mercado com o objetivo de repor eletrólitos que se perdiam através do suor durante o exercício e por isso, muitas vezes são também bebidas ricas em açúcares simples, o que faz com que haja um aumento do valor calórico associado à bebida, que, em determinados tipos de treino pode ser interessante, mas que, de forma geral, poderá ser contraproducente caso precise de controlar a ingestão calórica. Uma boa forma de evitar as bebidas desportivas de compra, quer pelo custo quer pelo tipo de ingredientes adicionados, será fazeres a tua própria bebida eletrolítica. Não é difícil e não precisas de muitos ingredientes, basta combinar água, sal e uma fruta para dar um sabor mais agradável e aumentar o aporte de micronutrientes. Algumas opções poderão ser: combinação de 2 copos de água com 1 copo de água de coco, 1-1,5g de sal; 2 copos de água com 1-1,5g de sal e sumo de laranja ou de limão (sem açúcares adicionados); 2 copos de água com 1-1,5g de sal e sumo de melancia (sem açucares adicionados). 

Em conclusão, a bebida eletrolítica, à partida, não é algo de necessidade diária, se tens uma alimentação equilibrada e fazes exercícios de forma recreativa de baixa intensidade é pouco provável que vás precisar recorrentemente deste reforço, mas é algo bastante importante quando fazes exercício de alta intensidade em que há uma grande perda de fluidos ou exercício de longa duração. Além do treino poderá ser também importante em casos de diarreia e vómitos, situações em que pode haver uma maior desidratação do organismo. Uma noite com um consumo mais generoso de álcool também pode levar a uma maior perda de fluidos e nesse sentido o uso de uma bebida eletrolítica poderá também ser importante.

O conteúdo deste artigo é de caracter informativo e não deve ser interpretado como aconselhamento profissional. As opiniões contidas não devem ser usadas para diagnóstico e/ou tratamento de problemas de saúde. É sempre imperativo o aconselhamento com profissionais de saúde antes de aplicar qualquer dieta ou regime alimentar

No Comments
Add Comment

Segue-nos nas redes sociais